Encontros: de que formas pode um cão transformar a vida familiar e pessoal?

teresaTeresa Líbano Monteiro é socióloga e investigadora associada ao ICS-ULisboa (tlibano@netcabo.pt)


blog1.png
Few associations are as intense and emotionally involving
as those we have with companion animals.
Despite the frequency and importance of relationships
between humans and animals, analyses of interspecies interaction
are noticeably rare in the social scientific literature.

Clinton R. Sanders
In Understanding dogs

Em 29 de Novembro de 2015 a TVI 24 transmitiu uma reportagem com o seguinte título “Portugueses já têm mais animais de estimação do que filhos”. Esta reportagem cita um estudo da GFK que revela que 2,5 milhões de famílias têm, pelo menos, um animal de estimação, estando o cão no topo das preferências dos portugueses. Não é raro ouvir frases como: “não vivo sozinho, vivo com o meu cão”. Ou, mais comum ainda: “vivo com a minha família de quatro patas. “

Porque é que as pessoas têm um cão? O que é um cão? Um objeto de consumo? Um novo amigo? Um membro da família? Que papel ou papéis pode ter um cão, enquanto animal de estimação, numa família e no desenho de novas morfologias familiares, na sociedade contemporânea?

Ao mesmo tempo, a questão animal tem vindo a ganhar grande importância no espaço público e pode ser aferida por um importante indicador. Pela primeira vez, o Partido Pessoas, Animais e Natureza (PAN) obteve representação parlamentar, recolhendo 1.4% dos votos. A chegada ao poder de um partido que apresenta os direitos dos animais como um dos seus objetivos primordiais é rara na Europa e merece um estudo próprio.

Em Portugal é quase inexistente a investigação sobre as relações entre humanos e animais, no campo das ciências sociais, salvo raras exceções (Monteiro e Policarpo, 2007; Celka, 2012), o que revela a pertinência teórica do projeto que agora se desenvolve. Quanto à pertinência empírica do mesmo, basta consultar alguns estudos de mercado realizados pela Marktest para perceber a ordem de grandeza dos dados estatísticos que na sociedade portuguesa circunscrevem o nosso campo de estudo: “mais de 2 milhões de lares têm animais domésticos” ou “os portugueses gastam mais de 200 milhões de euros por ano com animais domésticos”, ou ainda, “os portugueses preferem o cão como animal de estimação”.

blog2

Qual a natureza social dos laços que se estabelecem entre os cães, enquanto animais de companhia e o seu dono, em contexto familiar? Mais especificamente, de que formas o facto de ter um ou mais cães pode mudar a vida familiar e pessoal? Estas são, em grande medida, as questões de partida do projeto de investigação que estou a desenvolver atualmente no ICS-Lisboa.

A filósofa e psicóloga belga Vinciane Despret (2002) concebe o encontro entre humanos e animais como transformador para ambas as espécies envolvidas, mesmo na vida mundana dos humanos que vivem com animais. Esta autora sustenta que as interações entre humanos e animais são constitutivas do próprio encontro, engendrando novas identidades. O envolvimento dos diferentes indivíduos humanos e não-humanos é uma forma de agência, que deve ser entendida como interagência ou agência partilhada, criando um agente que só funciona totalmente em conjunto (no caso deste projeto, o/a dono/a e o seu cão), numa unidade de companheirismo, amizade e compreensão.

Seguindo a ideia de que o estudo das relações dos donos com os seus cães, no contexto familiar e quotidiano, são relações complexas que podem ser objeto de estudo em si mesmas, na perspetiva de uma sociologia com os animais (Michalon, Doré, Mondémé, 2016), entendeu-se interrogar o papel dos cães, enquanto animais de companhia, nas transformações das morfologias familiares (Monteiro, 2016).


Como citar este artigo: Monteiro, Teresa Líbano (2017) Encontros: de que formas pode um cão transformar a vida familiar e pessoal?. Life Research Group Blog, ICS-ULisboa, https://liferesearchgroup.wordpress.com/2017/03/21/encontros-de-que-formas-pode-um-cao-transformar-a-vida-familiar-e-pessoal/ 21 Março 2017 (Acedido a xx/xx/xx)

https://liferesearchgroup.wordpress.com/2017/03/21/encontros-de-que-formas-pode-um-cao-transformar-a-vida-familiar-e-pessoal/

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s